Colocar no meu Blog!

quarta-feira, 6 de fevereiro de 2008

Xuxa, por Olegário Gouveia. 2007



Nascida em 27/03/1963, na cidade de Santa Rosa, no Rio Grande do Sul, Maria da Graça Xuxa Meneghel, começaria na carreira artística aos 16 anos, quando foi selecionada para capa da revista Carinho.

Em pouco mais de um ano, seu rosto já havia sido estampado em 57 capas de revistas, tornando-a em 1980, a modelo mais fotografada do Brasil. E foi em uma sessão de fotos, para revista Manchete, que ela conheceu o Rei do Futebol: Pelé. O namoro com ele ia ajudar a alavancar mais sua fama.

O ano de 81 elegeria Xuxa como "Pantera do Ano", no Goldel Room do Copacabana Palace, e a levaria posar pela primeira vez para as revistas masculinas: Ele & Ela e Status, dose que se repetiria com a Playboy, em 82.

Seu contato com a "Telinha" aconteceria primeiro com o cinema: estrearia em 82 Fuscão Preto, e ainda nesse ano Amor Estranho Amor, que futuramente lhe traria problemas por causa das cenas de nudez e sexo com um menino de 12 anos. A televisão entraria em sua vida aos poucos, através de pequenas pontas no programa Os Trapalhões (1982), na novela Elas Por Elas (1982) e no Projeto Quarta Nobre (1983), na TV Globo.

Seu grande debut se concretizaria em 1983, quando foi convidada pela TV MANCHETE para comandar o infantil Clube Da Criança, participando em 1984 disco do programa, ao lado das crianças Patrícia (Marx) e Luciano. Lá iniciou-se parceria com Marlene Mattos, que duraria até os dias de hoje.

A transferência para então para TV GLOBO, em 30/06/86, era mais do que inevitável, já que o sucesso de Xuxa com as crianças crescia cada vez mais. O programa Xou da Xuxa seria então fundamental para construção de uma imagem forte e de um consequente império de produtos com sua griffe: roupas, brinquedos, alimentos etc... Uma prova disso foi disco do Xou, que saiu no mesmo ano, e que superou a vendagem do até então campeão Roberto Carlos, com 2.622.977 cópias.


Em 1989, Xuxa expandiu sua ação no mercado latino-americano com um disco em castelhano. Em 1991 El Show de Xuxa entrava no ar na Telefé, a maior emissora de televisão da Argentina, sendo o programa exibido em 17 países da língua espanhola, além da colônia hispânica dos Estados Unidos.

A homenagem que receberia em 1992 pela escola de samba Unidos do Cabuçu, anunciaria uma nova fase para a apresentadora: ela abandonaria o comando do Xou da Xuxa, que era diário, por achar que o formato já tinha se desgastado. Voltaria em 93 com um novo programa, agora semanal: "O programa Xuxa". Paralelamente a versão em inglês de seu programa invadiria os lares americanos, através de 121 canais independentes, em setembro desse mesmo ano.


Xuxa foi considerada uma das pessoas mais ricas do show business internacional, numa lista produzida pela revista americana FORBES. Sua posição era de vigésima oitava, tendo faturado 27 milhões de dólares em 2 anos. Entre alguns de seus bens constavam: O Bicho Comeu (Roupas e acessórios infantis), Xuxa Promoções e Produção Artísticas (licenciamento e merchandising), Xuxa Turismo (agência de viagens), Fundação Xuxa Meneghel (assistência ao menor), Fazenda MG Meneghel (Gado e Cavalos).


Logo após, ao perceber que o público infantil tinha sentido sua falta, estrearia em 1994 o programa Xuxa Park, com um quadro músical de muito sucesso o Xuxa Hit's, , que acabou se tornando um programa independente apresentado nas tardes de domingo. Este seria reformulado em 1997 e mudaria seu nome para Planeta Xuxa, fazendo sucesso até hoje nas tardes de domingo.

Xuxa realizaria seu grande sonho de ser mãe em 1998, num rápido relacionamento com o ator, modelo e empresário Luciano Szafir, onde nasceu Sasha

A apresentadora ainda foi muito criticada nos final dos anos 90 e início de 2000 por causa de seu programa "Planeta Xuxa", quando foi acusada de erotizar crianças e adolescentes falando de sexo de uma forma "não-clara" e enrustida.

Desde que rompeu com sua empresária Marlene Mattos, Xuxa enfrenta problemas de audiência, tendo que mudar o formato deles de tempos em tempos. Entretanto, o seu atual programa "TV Xuxa", tem-se mantido líder de audiência. Xuxa será sempre conhecida como a "Rainha dos Baixinhos", nome pelo qual se referia às crianças.

Seus últimos CDs e DVDs, da coleção "Só Para Baixinhos", já chegam a seis edições, com discos de platina, e são sucessos comerciais. Seus discos já venderam mais de 30 milhões de cópias pelo mundo, tornando-a a artista feminina brasileira que mais vendeu discos.

Um comentário:

Tiago Enes disse...

Oi....
Passando só para fazer uma visitinha.
Achei o blog muito legal mesmo.
Muito interessante.
Parábens.
Continue Assim